Empreendedor, penso, nunca acredita muito nessa coisa de que as pessoas têm de separar o “ser trabalhador” do “ser humano”, ou do “ser que vive a vida”.

No ato de empreender a coisa se mistura tanto, a começar pelo sonho que é o sonho de quem? Do ser trabalhador? Nem a pau, é do ser humano! Mas é trabalho? Ok, ok, mas esse conceito de trabalho também é uma coisa meio diferente pro empreendedor… enfim, empreender é uma mistura maluca da pessoa jurídica com a pessoa física. Não tem jeito.

Em outros universos de trabalho, em grandes organizações, por exemplo, talvez as pessoas tinham uma boa separação entre a PJ e a PF. Tinham, penso. Mas isso mudou também.

De um lado, os negócios estão cada vez mais competitivos, complexos e complicados o que faz, acredito, com que poucas pessoas possam “não dar muita bola” pro que rola na empresa e chegar em casa e viver unicamente a PF. Não dá mais, acho.

De outro, do lado da PF, com o advento das mídias sociais não dá mais pra separar a PF da PJ. O RH, seu colega do lado e o chefe, estão certamente no Facebook, Twittam e lêem tudo o que você escreve ao longo do dia ou na madrugada na balada.

Não dá mais pra ir pra casa e “desligar” da empresa e nem dá mais pra “desligar” a empresa da gente quando não estamos PJ. É complicado ser PF na mais pura essência e achar que o mundo não está vendo/lendo/observando. Só se você viver 100% offline, o que não dá mais hoje.

Até podemos ser 100% PF, mas temos que arcar com as conseqüências de todo mundo saber o que fazemos, pensamos, quem apoiamos e quem detestamos.

Certa vez, acho que já contei isso aqui, não me lembro bem, numa palestra sobre ética digital mostrei o perfil (na época aberto) de uma pessoa que estava na platéia e que participava de uma comunidade no Orkut chamada “gosto de fazer amor beijando”.

Foi um”uhhhhhh” geral quando todos viram que a pessoa que eu mostrava na tela estava presente na sala. A própria me olhava com aquela cara de “por que você fez isso comigo??!!!” e eu dizendo pra ela: “isso está aberto para mais de 1 bilhão de pessoas, por que se constranger com apenas essas 100 aqui presentes?”…

Assim como na mídia não existe mais essa coisa de online e offline. É tudo junto e misturado o tempo todo. Acho que não existe mais também a coisa de “estar PF” ou “estar PJ” em nossas vidas. O que é bom. Confuso às vezes para quem não se ligar, mas bom no longo prazo. Seremos cada vez mais nós mesmos.

5 Responses to “Pessoa jurídica x pessoa física”

Leave a Reply

Empreendedorismo no Twitter
Licença de uso
Sinta-se à vontade para utilizar os artigos aqui publicados, sempre colocando o autor e o link para esse site.
Assine EmpresaBrasil!

Digite aqui seu e-mail:

Apresentação Empreendedorismo
  • As 5 coisas que você deveria ter visto na internet hoje
    1) Lindsay Lohan apoia Aécio no Twitter, internet enlouquece e depois a atriz apaga o tuíte…Que confusão é essa? 2) E tem mais: Naomi Campbell também apoia o candidato do PSDB. Mas não apagou nada, por enquanto…Gente, que que é isso? 3) QUÊ? Renee Zellweger aparece irreconhecível em evento. Mano, é outro ser humano! 4) Curte filmes de super-heróis? Então ess […]
  • Como nosso cérebro decide qual conteúdo compartilhar
    O clique no botão compartilhar nas redes sociais é motivado por uma emoção. Quando você quer mostrar algo para outras pessoas, você quer que elas sintam o que você sentiu. Mas quais são essas emoções? O The Next Web fez um texto bem interessante, mostrando como o nosso comportamento online se relaciona com as nossas principais emoções. Segundo um último estu […]
  • 9 coisas para se fazer no Dia do Podcast
    Avante Renegados, beleza?! Aqui é o Bob do Renegados Cast e hoje é mais que um dia de indicação, é um dia de homenagem. Como já vimos no post do Maroto (Geek Vox) e do Pedro (Dia do Podcast) hoje, dia 21 de Outubro, estamos comemorando o Dia do Podcast no Brasil. Porém, aqui fica mais um testemunho e agradecimento. Eu conheço a mídia há algum tempo, o meu po […]
Arquivos
Entrevista
FormSpring Me